Fórum de instituições públicas e privadas criticam MP do Ensino Médio


Por Comunicação Sinpro/RS
Ensino médio | Publicado em 05/12/2016


A MP 746, que propõe a reforma do ensino médio foi alvo de discussão no Fórum de Debates – Impactos na Medida Provisória 746 nas Licenciaturas, ocorrido no dia 1º de dezembro, na UFRGS. Do debate foi tirada a Carta Aberta Interinstitucional de Licenciaturas de Universidades Públicas e Privadas do Rio Grande do Sul sobre os impactos da MP e tece e algumas críticas, entre elas, que a atual reforma do ensino médio “coaduna-se à ideia de conduzir a escola como uma empresa, reivindicando um currículo mais prático e utilitarista (portanto quantificável por rankings educacionais de larga escala) e no qual a cultura clássica e de formação mais geral, seria um luxo somente para os escolhidos”. O documento também destaca a importância das disciplinas de humanas que passariam a ser desobrigadas, como, Artes, Sociologia e Filosofia e também da possibilidade de profissionais de “notório saber” poderem exercer papel de professor.

O Fórum de Debates – Impacto da Medida Provisória 746 nas Licenciaturas, promovido pela Coordenadoria das Licenciaturas da UFRGS (COORLICEN), Órgão Colegiado vinculado à Pró-Reitoria de Graduação, reuniu-se no Auditório do Instituto Latino-americano de Estudos Avançados da Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS. Dele participaram representantes de Instituições de Ensino Superior Públicas e Privadas e entidades representativas do Campo da Educação para diálogo interinstitucional que propôs um movimento de reflexão/ação, afirmando a importância destas instituições na garantia da Educação como direito.

O Fórum contou com a participação de Docentes, Discentes e Técnicos de Instituições de Ensino Superior Públicas e Privadas, Alunos, Professores e Gestores da Educação Básica e Privada e Profissionais vinculados a Entidades Representativas do Campo da Educação do Estado do Rio Grande do Sul. Participaram da mesa, no debate: Vladimir Pinheiro do Nascimento – Pró-Reitor de Graduação da UFRGS, representando o Magnífico Reitor Rui Vicente Oppermann na abertura do Fórum; Armgard Lutz – Universidade do Estado do Rio Grande do Sul UERGS; Carmen Maria Craidy – Conselho Estadual de Educação Denise Dalpiaz Antunes – Universidade Federal de Pelotas – UFPEL; Roberto Rafael Dias – Universidade do Vale do Rio dos Sinos – UNISINOS; Sani Cardon – Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul –PUCRS; Silvana Maria Bellé Zasso – Universidade Federal do Rio Grande FURG; Simone Valdete dos Santos – Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS.

Leia a íntegra do documento